sábado, 29 de agosto de 2009


"a palavra é transgressora (...) não só pelos efeitos desestabilizadores de lugares e consensos estabelecidos, mas pela possibilidade de descrições alternativas do mundo, que ampliam nossas referências cognitivas e valorativas, tornam relevantes ou possíveis coisas que antes não existiam e desestabillizam o já sabido ou posto como evidência que não suscita a reflexão pois apenas existem na nossa paisagem cotidiana”

Vera Telles

Nenhum comentário:

Postar um comentário