sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Questões represadas

Como o serviço público pode ser democrático quando restringe o horário de atendimento ao horário em que os trabalhadores de plantão estão no trabalho?


Tenta fazer uma reclamação, sugestão ou pedir informação à SPTrans? Não existe mais opção de enviar e-mail.

Ou você liga pro 156 ou conversa por chat em horário comercial.

Porque é claro que todos os chefes acham muito bacana conversar por chat no horário de trabalho!!!

18 comentários:

  1. Oi Lu!

    Talvez devêssemos criar a "secretária eletrônica ativa", ou seja, a gente chega em casa depois de 2h30 de trânsito, solta os cachorros gravando uma mensagem pra SPtrans, e no dia seguinte a secretária eletrônica ativa liga por você.

    A melhor parte é não ter que ouvir "Pour Elise" durante mais 2h30 ao telefonar.

    Beijos,
    Rê.

    ResponderExcluir
  2. Serviços Públicos. Bom talvez pudessemos discutir o SERVIDOR PÚBLICO! Que gente tão menos gente, não?

    ResponderExcluir
  3. Olá Galiani!

    Não acho que o servidor público seja "menos gente" não. São pessoas trabalhando em um sistema engessado.
    É certo que o conforto com relação à perspectiva de futuro que um servidor público tem abre espaço para que muita gente se permita trabalhar mal, mas isso é uma falha de órgãos do sistema público que não sabem lidar com gente.
    Existem alguns raros serviços públicos em que o atendimento é de qualidade. É questão de política de incentivos, de carreira, ambiente de trabalho, conscientização a respeito do papel do órgão, condições decentes de trabalho...
    O caso da SPTrans é estrutural; o horário de atendimento é estabelecido por instâncias decisórias, não pelos servidores.

    ResponderExcluir
  4. Encontrei uma parte do site da prefeitura que parece dar uma alternativa. Em www.capital.sp.gov.br, no menu "eu preciso" tem a opção "fazer uma solicitação à perfeitura - SAC". Lá tem uma lista de solicitações relacionadas ao transporte público. Acho que dá um pouco de trabalho encaixar a categoria, mas vale a pena tentar. Assim que tiver uma reclamação ou solicitação (creio que em breve) vou testar e colocar aqui o resultado.

    ResponderExcluir
  5. Consegui fazer uma reclamação/sugestão (falei que logo teria material pra isso!). Vamos aguardar a resposta.

    ResponderExcluir
  6. Desde o dia em que enviei essa e outra solicitação (em 20 de fevereiro) não obtive resposta nenhuma.

    ResponderExcluir
  7. Eu havia registrado duas manifestações:
    Uma era uma sugestão para melhorar o fluxo de ônibus de uma região. Recebi no dia onze de março a resposta de que não é possível.
    A outra foi um questionamento acerca das leis de trânsito de uma outra região, que são desrespeitadas há tempos em frente a técnicos da CET. A solicitação não aparece no meu histórico. Farei novamente, assim que verificar desrespeito à lei de novo (quando passar por lá de novo).

    ResponderExcluir
  8. Passei na rua de novo e as mesmas faltas acontecem. Tentei enviar reclamação no site da prefeitura, como indicado, e não funciona. Preencho tudo direitinho e não vai a mensagem.
    Enviei uma reclamação sobre isso à prefeitura. Até quando será que vai essa via sacra?

    ResponderExcluir
  9. Nesse país em que a classe que se proclama esclarecida põe o trânsito de carros e gentes em risco com seus carrões arrogantes, a fiscalização deve ser apertada- sobre todos!

    ResponderExcluir
  10. Após a omissão do poder público de São Paulo, uma estratégia midiática: denunciei a situação no portal de voz da rádio Sulamerica Trânsito. No dia seguinte a CET estava lá.

    ResponderExcluir
  11. Fale conosco da prefeitura:
    "Parse error: syntax error, unexpected T_REQUIRE_ONCE in /var/www/prefeitura/portal/sys/skins/faleconosco/_main.php on line 4"

    Fale conosco da CET (após envio da mensagem):
    quadrado em branco (nenhuma confirmação)

    ResponderExcluir
  12. Resposta da CET:
    Caro Munícipe, solicitamos que seu pedido de sinalização/fiscalização/sugestão seja encaminhado à CET pelo SAC - Serviço de Atendimento ao Cidadão. O SAC é acessado pela internet no site da Prefeitura de SP - WWW.capital.sp.gov.br no link "EU PRECISO FAZER UMA SOLICITAÇÃO À PREFEITURA - SAC". Com a ajuda de um detalhado menu, seu pedido é registrado no sistema, enviado à CET, e na finalização é gerado um número de controle para acompanhamento do processo pela própria internet.

    Assim, seu pedido será analisado com mais agilidade e segurança.


    Departamento de Atendimento ao Munícipe - DAM
    Companhia de Engenharia de Tráfego - CET

    É um círculo sem fim!!!!!

    ResponderExcluir
  13. Eu odeio legalismos, mas se uma entidade está "jogando" para contornar suas obrigações dentro dos limites da lei, só mesmo mudando a lei.

    Lembro das regras de telemarketing sobre cancelamento de serviço: há na lei um limite de tempo para que o cancelamento seja feito. Pois de outro modo a gente ficava correndo atrás do próprio rabo sem nunca conseguir cancelar um plano de tv a cabo, internet ou telefone.

    Precisamos encontrar algum deputado de oposição que queira incomodar o governo com uma proposta análoga, para os serviços online da prefeitura.

    Não existe o "Adote uma idéia"?? Um orfanato de boas idéias para ajudar nossos líderes que são mentalmente estéreis? :D

    ResponderExcluir
  14. Deveria existir!Respondi o e-mail deles e pretendo telefonar agora pro 156. Mas de fato, quando ouço falarem que voto é cidadania dá vontade de gritar: nessa cidade a cidadania não é bem vinda, seus hipócritas!

    ResponderExcluir
  15. ao ligar pro 156 me deram outro telefone da CET (que não e o informado no site da CET!): 1188.
    Ao constatar novamente o problema sem fiscalização, liguei e registrei a reclamação.
    Se resolveu? Não sei. Me mudei e não pego mais aquele caminho. Morar na Vila Sônia por 3 anos não foi suficiente pra resolver a questão.

    ResponderExcluir
  16. Recebi uma resposta da CET por e-mail:

    "Em atenção à solicitação de fiscalização, informamos que o local foi incluído em nosso programa de fiscalização periódica, a fim de coibir possíveis desrespeitos ao Código de Trânsito Brasileiro - CTB.

    Companhia de Engenharia de Tráfego - CET
    Departamento de Atendimento ao Munícipe - DAM"

    Assim, minha recomendação final fica sendo: telefone 1188 + site da prefeitura + site da CET (pois não sei qual dos dois funcionou).

    ResponderExcluir
  17. Minha queixa é com relação ao transito aqui na capela do socorro na rua nossa senhora do socorro, 125 e 575, Empresas como a DIVERSEY e o supermercado AKI, efetuam desembarque de produtos e mercadorias no horaria comercial 08:00 as 17:00. Isso provoca um enorme congestionamento na via, os onibus ficam sem condiçoes de Trafegar, provocando atrazos e transtornos ao passageiros.
    Gostária que fossem tomadas providencias a este respeito e me dessem retorno ou uma indicação com que contatar.

    ResponderExcluir